É com orgulho que o Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de Roraima (CRMV-RR) destaca o Dia da Medicina-Veterinária Militar, comemorado nesta quinta-feira (17/06).

Entre tantas frentes de trabalho, o profissional que atua nesta área, colabora com a segurança pública também.

Na imagem, trouxemos o Capitão do Quadro de Oficiais de Saúde da Polícia Militar de Roraima (PM/RR), Médico-Veterinário Ailton Fernandes Teodoro e o 1º Tenente do Quadro de Oficiais da Saúde da PM/RR – Médico-Veterinário Emílio Bernardon Neto que também é Conselheiro Efetivo do CRMV-RR e simboliza todos os colegas que dedicam seu ofício aqui no Estado de Roraima para o bem dos animais usados nas operações e em consequência o bem-estar social.

O Médico-Veterinário Militar é um profissional multifacetado: atua na garantia da biossegurança dos quartéis e das operações, no controle das zoonoses e na preservação ambiental. Além de zelar pela saúde e bem-estar dos animais, colaboram para a segurança da sociedade em geral.

A Medicina Veterinária Militar evoluiu ao longo da história dos conflitos, adaptando-se às novas características de combate. Hoje, os médicos veterinários da Força Terrestre atuam em diversas frentes, nos mais de 600 quartéis pelo Brasil ou nas Missões de Paz da Organização das Nações Unidas em outros continentes, desempenhando missões que incluem:
– as atividades de biossegurança nas operações militares;
– a inspeção e a vigilância sanitária de alimentos;
– o controle da qualidade da água;
– a contribuição para a defesa nacional frente aos riscos biológicos emergentes e ao bioterrorismo;
– o estudo da fauna e a contribuição para a preservação do meio ambiente;
– a preservação da saúde dos animais de emprego militar;
– a inspeção de instalações;
– o apoio às ações cívico-sociais;
– o apoio a grandes eventos realizados no Brasil, como os Jogos Mundiais Militares, a
Copa das Confederações, a Copa do Mundo FIFA e os Jogos Olímpicos e Paralímpicos;
– a produção de imunobiológicos;
– o controle da população de vetores e roedores.

Obrigado bravos guerreiros!